logo
26/03/2020

Palavra de ordem: negociar para perpetuar

Elisa Figueiredo

A pandemia causada pelo coronavírus trouxe a necessidade e daí a determinação de isolamento social, com o fechamento do comércio e serviços tidos por não essenciais.

Não vou discorrer sobre isso, logicamente, por ser fato público e notório, além de existirem pessoas mais especializadas para tratar do tema (social e econômico), que um advogado. Mas as consequências jurídicas do isolamento social e comercial, no sentido amplo (e não apenas das vendas), aí sim já me arrisco a comentar.

 

Palavra de ordem: negociar para perpetuar

Veículo: Diário do Comércio

Leia a íntegra do artigo

Uma equipe sólida
e preparada para os
desafios do dia-a-dia.


Conheça nossa equipe